A criação de regras de CRA deve revigorar o investimento em CDFIs e estender além dos bancos normais

Anúncios

O conceito do Federal Reserve, OCC e FDIC para revisar e modernizar o grupo Reinvestment Act (CRA) está muito atrasado. No início, aprovado em 1977 e alterado em 1995, o CRA baseava a supervisão com a ajuda de reguladores federais e incentivava os bancos com seguro federal a servir as comunidades em que atuam.

O CRA rastreia o apoio dos bancos a devedores marginalizados, de baixa renda e bairros distintos que foram historicamente mal atendidos por meio de práticas discriminatórias e redlining. Limitações às legislações, como seu foco na localização real das agências bancárias, ignoraram a revolução FinTech dos últimos dois anos e continuam a passar por comunidades marginalizadas e comunidades em desertos bancários não atendidas por meio de lojas físicas. ramos de argamassa.

A proposta de criação de regras aborda alguns desses obstáculos de frente e revigorará maiores parcerias entre grandes bancos habituais e associações fiscais de construção em grupo (CDFIs) com acesso e relacionamentos em comunidades com salários baixos e centrais, onde o capital é mais necessário.

parcerias bancárias, empréstimos e investimentos em CDFIs são ferramentas essenciais para o cumprimento da Lei de Reinvestimento do bairro. De acordo com as diretrizes propostas, as avaliações de CRA circularão além de barreiras geográficas desatualizadas e atividades bancárias de confiança associadas à flexibilidade de serviços bancários atualizados, incluindo serviços bancários por celular, serviços bancários sem agência e modas híbridas. Os bancos precisarão revelar que são ativamente atraentes com lucros baixos e moderados em comunidades, regiões e em todo o país. Isso ainda deve encorajar as instituições fiscais médias com grandes balanços a distribuir recursos para mais de 1.300 CDFIs no terreno em comunidades carentes para satisfazer as necessidades ampliadas.

Assim como os bancos, muitos CDFIs estão modernizando adicionalmente seus equipamentos e capacidades para servir melhor as comunidades de metas, fornecendo alternativas adicionais para a conformidade efetiva do CRA sob o pensamento e para os bancos comuns influenciarem comunidades mais carentes. Como outros no setor de provedores financeiros, os CDFIs contemporâneos atendem comunidades carentes com know-how e inovação. Os produtos de empréstimo cada vez mais distintos oferecidos com a ajuda de CDFIs refletem as realidades do clima econômico que se altera às pressas nos dias de hoje e as diferentes vidas dos proprietários de famílias desempregados. As CDFIs podem e desenvolveram itens de empréstimo criativos para atender aos principais devedores de valor inestimável com casos não tradicionais que evitam o acesso a hipotecas oferecidas por meio de bancos naturais.

Para concordar com os regulamentos CRA atualizados que parecem não ajudar um banco a seu grupo nativo, as organizações ainda podem alavancar CDFIs locais, regionais e nacionais dedicados a recursos fiscais de missão forçada. A persistente lacuna de riqueza e propriedade nos EUA deixa famílias negras, latinas e de baixa renda fora da economia atualizada e, como resultado, limita o boom financeiro em geral. Os investimentos em CDFIs são uma opção confirmada para estender o acesso às funções, pontuação de crédito, empréstimos razoáveis ​​de mercado e não predatórios que essas comunidades merecem para se libertar dos ciclos de dívidas caras e desafios financeiros que afastam o boom financeiro e limitam a oportunidade para a construção de riqueza geracional.

E enquanto os reguladores estão viciados em aumentar e modernizar as diretrizes do CRA, eles também devem aceitar como verdade a expansão dos requisitos do CRA para cobrir as instituições monetárias de instituições não financeiras que compõem uma grande parte do sistema econômico de empréstimos dos dias de hoje. Os credores de empréstimos pessoais de instituições não financeiras custam mais de dois terços dos empréstimos à habitação nos EUA, mas não são obrigados às mesmas necessidades de investimento de grupo como bancos naturais. Não é nenhum segredo que sua lista de músicas está abaixo da estrela quando se trata de atender comunidades de baixa renda e minorias, apesar das modernas leis de habitação razoáveis. Se esses credores ficarem fora do ecossistema do CRA, não há dúvida de que eles continuarão a transportar as comunidades mais econômicas e protegidas a um custo muito maior do que outros,

por meio do aumento das necessidades de CRA para credores não bancários, os reguladores terão certeza de um atendimento mais equitativo de comunidades diversificadas e de baixa receita por meio de empréstimos diretos dessas associações e outras parcerias e investimentos em CDFIs.

Líderes e defensores de todo o CDFI, habitação razoável, justiça financeira/racial e cenário de investimento social ainda podem aproveitar as capacidades deste momento e oferecer feedback sobre a regulamentação proposta. Devemos incentivar essas reformas, o que pode tornar menos complicado para os bancos cumprirem os requisitos de CRA por meio de investimento e parceria com CDFIs, e entrar em contato para necessidades de CRA ainda mais fortes que abrangem cada instituição financeira e instituições financeiras não bancárias. Com enorme financiamento e esforços concentrados, fecharemos a persistente lacuna racial de riqueza que assola nosso país. A conformidade das associações financeiras com os requisitos, a ajuda direta às comunidades-alvo e a ajuda às CDFIs pressionadas para atendê-las é apenas uma, embora importante,

Faith Bautista é presidente e CEO da Asian American Coalition (naac.Org, anteriormente Mabuhay Alliance), uma organização sem fins lucrativos orientada a aplicativos que fornece aconselhamento habitacional, empréstimos para pequenas empresas e funções de dicas técnicas para populações minoritárias e de baixos salários.

Noticias Gerais
Noticias Gerais
A redação do Notícias Gerais é formado por profissionais dedicados que são meticulosos em verificar todas as informações e conteúdos que compartilham. Eles estão comprometidos em manter você sempre bem informado e podem contar com notícias confiáveis e precisas em todas as postagens.