CNH Social 2023 – Descubra como tirar a carteira de motorista gratuitamente

Anúncios

Muitas pessoas não sabem, mas é possível tirar a carteira de motorista de forma gratuita. Claro, não é todo mundo que tem acesso a esse benefício, mas, sim, isso é totalmente possível.

O programa CNH Social foi lançado em 2011 e recentemente abriu mais 80 mil vagas. O programa já atendeu milhares de pessoas que não tinham condições de pagar para tirar sua habilitação.

Portanto, se você tem interesse em tirar a sua CNH, mas não tem dinheiro, confira esse artigo até o final, pois apresentaremos todos os detalhes e requisitos necessários.

O que é a CNH Social?

Muitas pessoas não sabem, mas existe um projeto social chamado CNH social onde oferece para as pessoas de baixa renda a chance de tirar a carteira de motorista gratuitamente, ou seja, sem precisar pagar nada.

Como funciona a CNH Social?

Apesar de ser gratuita, o processo de retirar a CNH é exatamente o mesmo daquelas pessoas que realizam o pagamento. Assim, você vai precisar passar por todo o processo do CTB – Código Brasileiro de Trânsito, que são:

  • Fazer exames médicos e psicotécnicos;
  • Aulas e exames teóricos;
  • Aulas e exames práticos.

Portanto, ao ser escolhido você irá deixar de pagar itens como:

  • Os exames médicos, incluindo o toxicológico;
  • As taxas do DETRAN que estão ligadas à CNH, como é o caso da emissão, possíveis renovações da carteira ou mesmo a mudança de categoria;
  • Não irá precisar arcar com os custos das aulas teóricas, práticas e nem o pagamento da prova.

Quem pode tirar a CNH Social?

Agora que você sabe o que é a CNH social e como ela funciona, vamos ver se preenche os requisitos necessários. São eles:

  • Ter a sua inscrição feita no Cadastro Único;
  • Não pode ter mais de dois salários mínimos de renda por família;
  • Idade varia de 18 a 50, dependendo do tipo de habilitação;
  • Saber ler e escrever;
  • Não pode ter cometido nenhuma infração média, grave e gravíssima com reincidência no período de 12 meses;
  • Caso seja jovem estudante, precisa estar matriculado em rede pública;
  • Estar desempregado há mais de um ano.

Quais são os estados que participam do programa de CNH Social?

Os estados que atualmente ingressam o programa de CNH social, são:

  • Acre;
  • Roraima;
  • Pará;
  • Mato Grosso do Sul;
  • Goiás;
  • Bahia;
  • Ceará;
  • Maranhão;
  • Pernambuco;
  • Rio Grande do Norte;
  • Paraíba;
  • Distrito Federal;
  • Espírito Santo;
  • Minas Gerais;
  • Rio Grande do Sul.

Se o seu estado não está na lista, ele não oferece o programa da CNH Social.

Quais são as maneiras de se inscrever no programa?

Existem duas maneiras de você se inscrever no programa da CNH Social e falaremos sobre cada uma delas abaixo.

Entretanto, é importante ficar atento, pois, não existe uma data predeterminada de quando as inscrições estarão abertas.

Portanto, você vai precisar ficar de olho ou entrar em contato com o Detran da sua cidade para mais informações.

– Inscrição pelo Detran do seu estado:

A primeira delas é a partir do Detran do seu estado. Portanto, verifique se o seu estado fornece este tipo de benefício na lista que colocamos acima.

Se fornecer, acesse o site do Detran do seu estado e busque por inscrição CNH social e preencha o formulário de acordo com os dados solicitados. Depois disso você só precisa enviar o formulário e seguir a finalização do processo.

Pronto, feito isso, o Detran vai começar a analisar as informações e entrar em contato para esclarecer as etapas.

– Inscrição pelo SEST/ SENAT:

A inscrição pelo SEST/ SENAT é bem parecida com a do Detran. Clique aqui que você será direcionado para o site.

Feito isso, clique em CURSOS e depois vá até a CNH Social e Motorista Profissional. Confirme os seus dados que serão pedidos no portal e clique na opção de iniciar inscrição.

Responda às questões feitas pelo formulário e não deixe nenhuma informação solicitada sem responder. Depois de finalizar o cadastro, aguarde que a plataforma vai entrar em contato com você.

Como é avaliado os perfis e quem são os escolhidos?

Após fazer a sua inscrição, os avaliadores do programa irão avaliar todas as inscrições que aconteceram e irão escolher de acordo com os critérios.

Entre os critérios de preferência temos:

  • Menor renda per capita;
  • Ensino médio complexo;
  • Cadastro nos programas sociais atualizados;
  • Quantidade de pessoas que moram na casa com o inscrito.

Além disso, será levado em consideração quando foi que você fez a sua inscrição, desde o dia até a hora, caso fique empatado os critérios anteriores.

Essa análise extra acontece porque existe um limite de vagas para receber o programa e esses são os critérios avaliados na hora de desempatar.

Caso tenha alguma dúvida, você pode acompanhar todo o processo pelo site do Detran, pois, será lá a divulgação do resultado.

Jéssica
Jéssica
Olá, sou escritora com uma vasta experiência em redes de sites, onde meu foco é criar conteúdos que não apenas informam, mas também facilitam a vida dos leitores. Minha motivação para escrever vem do desejo de ajudar os usuários a encontrar respostas e soluções práticas. Acredito que a escrita é uma poderosa ferramenta de conexão e espero que você encontre nos meus artigos um recurso valioso para suas pesquisas e leituras diárias.